Notícias

Votando para afastar denunciado hoje, Pedro defendeu condenado no Congresso (seu pai) e atacou Wilson Santiago em 2011

O deputado federal Pedro Cunha Lima, presidente do PSDB na Paraíba, foi um dos parlamentares da bancada paraibana que votou pelo afastamento do colega de Parlamento, Wilson Santiago (PTB).

O discurso e a ânsia do deputado em ver punição a denunciados contrastam com o posicionamento dele em 2010/2011, quando seu pai foi afastado do Senado com base da lei da Ficha Limpa.

Cássio foi cassado em 2008, quando era governador do Estado. Ele foi condenado pelo TRE-PB e pelo TSE pelo crime eleitoral de compra de votos e pelo uso do Jornal A União para a promoção de sua campanha em 2006.

Na época, Pedro criticou a aplicação imediata da Ficha Limpa, o ministro Gilmar Mendes, e atacou o então senador Wilson Santiago – que ficou em 3º e assumiu o Senado por sete meses até Cássio conseguir um recurso que postergou a aplicação da Ficha Limpa.

Confira os tweets:

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

You Might Also Like